15 filmes que irão tocar sua alma

Uma das maiores dádivas do cinema é a capacidade de traduzir a beleza e a complexidade dos dramas humanos através de enredos que nos tocam a alma, nos ajudam a refletir e nos inundam os sentidos, trazendo à tona emoções que podem ter ação catalisadora em nossas vidas.


Separamos para vocês alguns filmes que nos tocaram e emocionaram nos últimos anos. É claro que a lista não está completa, pois são muitas tramas que nos evocam os mais diferentes sentimentos. Então fica o espaço para que vocês também possam contribuir e acrescentar nos comentários os filmes que também tocaram profundamente suas almas!


1. Sabor da vida



Se fosse preciso definir Sabor da Vida com uma única palavra, esta seria delicadeza. É com esta poderosa arma, capaz de derrubar o mais sisudo espectador, que a diretora Naomi Kawase aborda temas tão importantes quanto preconceito e respeito, sem jamais deixar de lado a cultura e a história japonesa.


2. Nenhum a menos



Quando o professor da escola primária de uma pequena aldeia rural em Shuiquan tem que se afastar do trabalho por um mês, a única pessoa que pode substituí-lo é Wei (Wei Minzhi), uma tímida jovem de 13 anos sem experiência alguma na arte de lecionar. Ela recebe a restrita ordem de que deve manter todos os alunos na escola e não deixar nenhum partir. Teimosa, ela fará de tudo para cumprir o plano, algo prova ser mais difícil do que parece quando o pequeno Zhang (Zhang Huike) é obrigado a deixar a aldeia e ir para cidade a fim de arrumar um trabalho. Contando com o apoio de seus alunos, a determinada professora vai a pé atras de seu aluno perdido e não vai desistir até trazê-lo de volta.


3. A voz do coração



Pierre Morhange (Jacques Perrin) é um famoso maestro que retorna à sua cidade-natal ao saber do falecimento de sua mãe. Lá ele encontra um diário mantido por seu antigo professor de música, Clémente Mathieu (Gérard Jugnot), através do qual passa a relembrar sua própria infância. Mais exatamente a década de 40, quando passou a participar de um coro organizado pelo professor, que terminou por revelar seus dotes musicais.


4. Philomena



Irlanda, 1952. Philomena Lee (Judi Dench) é uma jovem que tem um filho recém-nascido quando é mandada para um convento. Sem poder levar a criança, ela o dá para adoção. A criança é adotada por um casal americano e some no mundo. Após sair do convento, Philomena começa uma busca pelo seu filho, junto com a ajuda de Martin Sixsmith (Steve Coogan), um jornalista de temperamento forte. Ao viajar para os Estados Unidos, eles descobrem informações incríveis sobre a vida do filho de Philomena e criam um intenso laço de afetividade entre os dois.


5. A vida é bela



Durante a Segunda Guerra Mundial na Itália, o judeu Guido (Roberto Benigni) e seu filho Giosué são levados para um campo de concentração nazista. Afastado da mulher, ele tem que usar sua imaginação para fazer o menino acreditar que estão participando de uma grande brincadeira, com o intuito de protegê-lo do terror e da violência que os cercam.


6. As pontes de Madison



Após a morte de Francesca Johnson (Meryl Streep), uma proprietária rural do interior do Iowa, seus filhos descobrem, através de cartas que a mãe deixou, do forte envolvimento que ela teve com um fotógrafo (Clint Eastwood) da National Geographic, quando a família se ausentou de casa por quatro dias. Estas revelações fazem os filhos questionarem seus próprios casamentos.


7. A cor púrpura



Georgia, 1909. Em uma pequena cidade Celie (Whoopi Goldberg), uma jovem com apenas 14 anos que foi violentada pelo pai, se torna mãe de duas crianças. Além de perder a capacidade de procriar, Celie imediatamente é separada dos filhos e da única pessoa no mundo que a ama, sua irmã, e é doada a "Mister" (Danny Glover), que a trata simultaneamente como escrava e companheira. Grande parte da brutalidade de Mister provêm por alimentar uma forte paixão por Shug Avery (Margaret Avery), uma sensual cantora de blues. Celie fica muito solitária e compartilha sua tristeza em cartas (a única forma de manter a sanidade em um mundo onde poucos a ouvem), primeiramente com Deus e depois com a irmã Nettie (Akosua Busia), missionária na África. Mas quando Shug, aliada à forte Sofia (Oprah Winfrey), esposa de Harpo (Willard E. Pugh), filho de Mister, entram na sua vida, Celie revela seu espírito brilhante, ganhando consciência do seu valor e das possibilidades que o mundo lhe oferece.


8. O contador de histórias



Anos 70. Aos 6 anos Roberto Carlos Ramos (Marco Ribeiro) foi escolhido por sua mãe (Jú Colombo) para ser interno em uma instituição oficial que, segundo apregoava a propaganda, visava a formação de crianças em médicos, advogados e engenheiros. Entretanto a realidade era bem diferente, o que fez com que Roberto aprendesse as regras de sobrevivência no local. Pouco depois de completar 7 anos ele é transferido, passando a conviver com crianças até 14 anos. Aos 13 anos, ainda analfabeto, Roberto tem contato com as drogas e já acumula mais de 100 tentativas de fuga. Considerado irrecuperável por muitos, Roberto recebe a visita da psicóloga francesa Margherit Duvas (Maria de Medeiros). Tratando-o com respeito, ela inicia o processo de recuperação e aprendizagem de Roberto.


9. Apenas uma vez (Once)



Dublin, Irlanda. Um músico de rua (Glen Hansard) sente-se inseguro para apresentar suas próprias canções. Um dia ele encontra uma jovem mãe (Markéta Inglová), que tenta ainda se encontrar na cidade. Logo eles se aproximam e, ao reconhecer o talento um do outro, começam a ajudar-se mutuamente para que seus sonhos se tornem realidade.


10. Uma lição de amor



Sam Dawson (Sean Penn) é um homem com deficiência mental que cria sua filha Lucy (Dakota Fanning) com uma grande ajuda de seus amigos. Porém, assim que faz 7 anos Lucy começa a ultrapassar intelectualmente seu pai, e esta situação chama a atenção de uma assistente social que quer Lucy internada em um orfanato. A partir de então Sam enfrenta um caso virtualmente impossível de ser vencido por ele, contando para isso com a ajuda da advogada Rita Harrison (Michelle Pfeiffer), que aceita o caso como um desafio com seus colegas de profissão.


11. Sobrevivendo com os lobos



A história se passa na capital belga Bruxelas, em 1942, quando a Segunda Guerra Mundial se intensifica e poderio alemão invade todos os territórios. Nesse cenário conhecemos uma garota de apenas sete anos de idade, Misha, que tem dois objetivos: escapar dos nazistas e encontrar seus pais. É assim que ela se lança numa jornada em que experimenta, sozinha, o desespero da guerra. Mas eis que a menina é adotada por uma família de lobos. Ainda que isso possa parecer impossível ou inimaginável, surge de fato um grande amor e sentido de proteção entre os animais e a garota. Nem tudo será fácil para Misha, mas graças aos lobos ela aprende a sobreviver para prosseguir com sua busca.


12. Habemus Papam



Após a morte do Papa, o conclave do Vaticano se reúne para escolher seu sucessor. Após várias votações, enfim há um eleito. Os fiéis, amontoados na Praça de São Pedro, aguardam a primeira aparição do escolhido (Michel Piccoli), mas ele não vem a público por não suportar o peso da responsabilidade. Tentando resolver a crise, os demais cardeais resolvem chamar um psicanalista (Nanni Moretti) para tratar o novo Papa.


13. Minha vida de cachorro



Comova-se com a história do menino Ingemar que, devido ao agravamento da saúde de sua mãe, é enviado para casa de parentes numa vila no interior da Suécia, nos anos 50. No início, Ingemar tem dificuldades de se adaptar à nova vida e superar as saudades da mãe e do irmão. Com o tempo, acaba por viver experiências que o marcarão pelo resto da vida.


14. Minhas tardes com Margueritte



Imagine o encontro de duas forças. De um lado, mais de 100 quilos de pura ignorância e do outro menos de 50, carregados de ternura. Entre eles, uma diferença de décadas de idade e em comum, o encanto pelos livros. Esta é a história de um cinquentão pobre com as palavras e uma idosa inversamente rica com elas.


15. Em busca do céu (Stolen Summer)



Em busca do céu narra a amizade de Pete O'Malley ( Adi Stein) e Danny Jacobsen ( Michael Weinberg ). Enquanto a maioria dos alunos da terceira série passam seus verões jogar beisebol e brincando na piscina, Pete embarcar em uma missão divina de fazer o bem em sua comunidade em Chicago e provar seu valor para entrar no céu.



· Sinopses: www.adorocinema.com e www.wikipedia.com


Autora:




​© 2019 by Marcela Alice Bianco